Passo a passo: aprenda como calcular a margem de lucro do seu negócio

Manter a saúde financeira de um negócio exige bastante trabalho e dedicação, especialmente durante as fases iniciais de crescimento. Há muitos indicadores que devem ser levados em conta a cada tomada de decisão. Entre eles, podemos destacar o cálculo da margem de lucro como um dos mais importantes.

De forma bem simples, essa margem representa a porcentagem da sua receita que é traduzida em lucro real para a empresa, já descontando todos os custos. Saber como calculá-la é fundamental para garantir o melhor desempenho do seu negócio.

Quer entender melhor esse tema? Então, acompanhe!

Por que é importante calcular a margem de lucro corretamente?

Entender a margem de lucratividade da sua empresa é útil para vários cenários. Ela é um bom indicador da rentabilidade para qualquer produto ou serviço, pois seu resultado é expresso não em números brutos, mas sim em percentual.

Por mais que uma venda traga, por exemplo, R$1000 de lucro, isso não diz muito sobre a sua rentabilidade. Se o investimento inicial foi de R$1000 ou menos, então o retorno foi alto. Mas se você teve que pagar R$1 milhão e só obteve mil em retorno, sua rentabilidade foi muito baixa.

Além disso, você pode usar essas informações para ver se precisa mudar o preço dos seus produtos para melhorar a rentabilidade do negócio. Na hora de definir quanto cobrar pelos seus serviços, ter uma noção da margem que você quer tirar é sempre muito útil. E mais: baseando-se no lucro das suas atividades, você pode estabelecer metas de vendas e definir onde espera chegar.

Como é feito o cálculo da margem de lucro?

Depois de entender o valor desse indicador, o próximo passo é descobrir como calculá-lo corretamente. Veja a seguir um passo a passo simples para fazer essa conta!

1. Identifique seus custos e receita

Todo o cálculo é baseado em dois indicadores principais: sua receita e suas despesas. Tome nota deles em seu dia a dia, e você terá os dados necessários para começar.

2. Calcule seus lucros

Em seguida, você deve determinar qual é o seu lucro. Escolha um período específico e tome nota dos custos e receitas acumulados ao longo desse espaço de tempo. Ou, se preferir analisar a rentabilidade de um produto específico, levante os custos envolvidos na confecção e venda dele. Em seguida, basta calcular a diferença entre a receita e os custos: o resultado será o seu lucro.

3. Use a fórmula para margem de lucro

Por fim, para conseguir definir a margem, você deve utilizar a seguinte fórmula:

Guia de recrutamento de funcionáriosPowered by Rock Convert

MARGEM DE LUCRO = (LUCRO/RECEITA) x 100

O número final obtido nessa fórmula será expresso em percentual. Para facilitar o entendimento, vamos usar um exemplo. Um produto custa R$50 para ser confeccionado e pode ser vendido por R$100. Assim, temos:

  • custo: R$50;
  • receita: R$ 100;
  • lucro: R$ 50.

Inserindo esses números na fórmula, temos o seguinte:

MARGEM DE LUCRO = (50/100) x 100

MARGEM DE LUCRO = 0,5 x 100 = 50%

Então, nesse exemplo, temos uma margem de lucro de 50%, ou seja, metade da sua receita é lucro na venda desse produto.

E se o percentual for negativo?

Nesse caso, significa que você teve uma margem de prejuízo, não de lucro. Ou seja, você perdeu uma porcentagem do que investiu. Essa situação é extremamente prejudicial para sua empresa, pois traz graves à saúde financeira dela.

Não pense que é impossível ter uma margem de lucro negativa. Quanto mais complexa for a apuração dos custos — isso acontece se tiver muitos fatores envolvidos, como pagamento de ajudantes, consumo de água, energia, matéria-prima, impostos etc. — maiores são as chances de errar na conta. Portanto, todo cuidado na apuração é pouco!

Com essas informações, você já está preparado para calcular a margem de lucro do seu negócio com mais facilidade. Não deixe de fazer essas contas, pois elas fornecem a base para uma boa gestão financeira.

Quer tirar mais alguma dúvida? Então deixe um comentário. Será um prazer ajudar!